"A vida são dois dias
Um serve para escrever o melhor texto do Mundo.
O outro para morrer a lê-lo."

16/07/2013

23:11

não penses tanto nos pormenores, há certas alturas em que mais vale lançares-te sem analisar as consequências ou qualquer coisa que no futuro te irá perturbar. não faças disto um hábito mas sim uma necessidade. olha para ti assim como olhas para os outros, com o mesmo sentido critico, com os mesmos olhos de ver, com a mesma alegria. não faças sentido, encontra-te, descobre-te, em puros momentos de loucura. CUIDA MAIS DA TUA VIDA! não retribuas os olhares de lado, não te identifiques com os gestos de indiferença. procura a felicidade, ou melhor, deixa a felicidade encontrar-te. encontra-te nos sorrisos, na maior parte alheios, encontra-te nos olhares que achares nas ruas, encontra-te no silêncio, no vazio da noite. procura a paz, cuida de ti. de ti e dos que te rodeiam*

4 comentários:

  1. Respostas
    1. não é só meu, é um blog partilhado por vários escritores :)

      Eliminar
  2. parece um discurso de fim de curso :) gostei!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. olhando agora para ele dessa maneira, encaixava-se perfeitamente! obrigada*

      Eliminar