"A vida são dois dias
Um serve para escrever o melhor texto do Mundo.
O outro para morrer a lê-lo."

07/08/2013

Yin & Yang

Não sei mentir. Não consigo lançar para o ar palavras piedosas habilmente traçadas para não magoar. O meu silêncio responde-te às perguntas naqueles momentos em que estamos de costas voltadas e é aí que eu tenho a certeza que o nosso amor é fora do normal. Somos o oposto um do outro, em quase tudo. Mas ainda assim completamo-nos. Não, não nos atraímos apenas. A atracção consegue ser algo bem diferente da aceitação e compreensão que nos preenche. O que nos conduz, neste caminho sempre paralelo, é uma compreensão cega que aceita as nossas divergências. Aprendeste a aceitar os meus gostos e eu aprendi a aceitar os teus. Completas a minha personalidade explosiva, tempestuosa, orgulhosa. Acalmas-me nos dias não e abraças-me mesmo contra a minha vontade, sabendo que no fundo é isso que te peço. Quem nos veja de fora não calcula o quão diferentes nós somos. Vêem-nos como uma união sem mácula. Olham para nós e vêem uma igualdade que não existe. Mas eu não me importo que assim seja. É sinal que soubemos unir-nos para além das nossas personalidades. Talvez ninguém veja mas somos como o ying e yang. Eu o ying, tu o yang. Duas metades que se unem e tornam o seu mundo mais completo.

3 comentários:

  1. olá querida, tenho dois selos para ti no meu blog :)

    ResponderEliminar
  2. e, às vezes, quando dizem que os opostos se atraem, é verdade :)

    ResponderEliminar
  3. "Completas a minha personalidade explosiva, tempestuosa, orgulhosa." que lindo cau :o adoreii

    ResponderEliminar