"A vida são dois dias
Um serve para escrever o melhor texto do Mundo.
O outro para morrer a lê-lo."

14/10/2013

Posso entrar?

Hoje apetece-me fazer-te feliz. Posso? Se não puder entrar, diz-me. Não quero ser inoportuno, nem despropositado.
Obrigado! Uma linda casa para uma princesa linda. Desculpa, sei que não gostas do termo princesa, mas no meu globo és a única que tem um castelo e uma coroa. 
Não tens de te desculpar pela minha vulgaridade poética desgastada. Sei que não estamos na idade medieval, mas sabes como é o amor. Tem destas coisas. 
Desculpa mais uma vez. Não volto a usar estas palavras tão banais. 
Desculpa ter entrado assim.
Pelo menos não entrei a matar.

1 comentário: