"A vida são dois dias
Um serve para escrever o melhor texto do Mundo.
O outro para morrer a lê-lo."

26/11/2013

Minha pequena Maria.

Ela é um espírito livre, uma mente desinibida e um coração rebelde. Ela desafia-se, leva-se aos limites quando tem que levar ou quando lhe apetece testar a sua própria capacidade de superação. Gabo-lhe a liberdade que conquista todos os dias a ela própria. Mas, um gabar bom. A admiração tão simples que tenho por ela. Retiro muitas vezes força dela, mesmo que nunca lho tenha dito. Encontro-me muitas vezes no meio das suas palavras, mesmo que vagas e não dirigidas a mim. De facto, ela inspira-me. Inspira-me pela pessoa que é, por ser tão verdadeira a si mesma. Não sei se alguma vez lhe disse que é uma força bruta e capaz de “mover o mundo”. Digo agora.
Tu és gigante, minha pequena. Parabéns.

Sem comentários:

Enviar um comentário