"A vida são dois dias
Um serve para escrever o melhor texto do Mundo.
O outro para morrer a lê-lo."

18/09/2014

aquela constante vontade desumana de partir para ficar... ficar mais leve, mais livre, mais diversa.
infortunado pássaro a quem voar não chega apenas, triste destino dos que inspiram todo o Universo numa única respiração.

o meu fado quis que de tudo isto vivesse e com a minha alma gigante (eternamente infeliz, eternamente insatisfeita) findasse os meus dias, no mesmo sítio de todas as horas anteriores.

oh almas inquietas! peço-vos a vós: tomai e conquistai o mundo. porque ele é vosso.

3 comentários:

  1. obrigada pelas palavras :) espero bem que corra tudo bem!

    com amor, nanci <3

    ResponderEliminar
  2. Que palavras inspiradoras e calmas


    www.tarasemanias.pt

    ResponderEliminar
  3. Tão bonito! Tão Clássico!

    Gostei

    ResponderEliminar